Fala galerinha, tudo certo? Voltei com mais um lançamento em primeira mão que por coincidência também fala de adolescentes em adoção, preparados?!

Não tem muito o que falar da sinopse, o autor é bem conhecido lá fora e o que tem no Goodreads nada mais são que elogios e especulações sobre essa obra, o que esperar e tal, então vou resumir pra vocês.

Naomi é uma adolescente de 14 anos que perdeu a mãe recentemente após ela cometer suicídio, vivia com o pai alcóolatra até que por algum motivo ela vai parar num lar de adoção. E a partir de agora temos nosso plot que consiste em Naomi conseguir uma casa e uma família pra chamar de sua.

A temática tratada é um pouco pesada, Naomi por ser praticamente uma criança é muito precoce, ao mesmo tempo que tem maturidade suficiente para cuidar de si (e do pai) mas comete erros bobos movidos pela emoção, típica imaturidade. O livro não tem muito a nos oferecer além dos conflitos de Naomi, alguns traumas da menina e essa busca por um novo lar, mas mesmo assim ficamos "íntimos" dos personagens e sentimos falta quando a história chega no seu fim, que aliás, ficou em aberto deixando muito pano para uma continuação talvez de propósito afinal esse é o volume 4 de uma série, veremos o que o autor fará em relação a isso.

via GIPHY

O final além de não resolver o problema principal ainda ficou em aberto, como se o livro tivesse acabado de repente, faltando páginas ou algo do tipo. Senti um misto de sentimentos, gostei mas poderia ter sido muito melhor. E nem preciso falar que lembrou bastante Fierce Fragile Hearts né? a questão da amizade, a personalidade de Naomi e o fato da adoção fizeram esse livro em alguns momentos parecer uma continuação do outro.

Leva 3 estrelas pela confusão de sentimentos que fiquei e o final em aberto, vale a pena a leitura mas já aviso para não ir esperando muita coisa, é bem escrito, estruturado MAS fica faltando ali algum tempero se é que me entendem.

0 Comentários